quinta-feira, 8 de novembro de 2007

relações



relações intercasulais


experiências em arame

13 comentários:

SeDona_Su disse...

depois do casulo a BORBOLETA!

drake disse...

além da complexidade das conexões também tem a sombra, que legal !

Beá Meira disse...

Eu também gostei da sombra, criou uma relação de linha fina e linha grossa, pretos e cinzas, definição e ausência de foco, legal!

anna disse...

relações perigosas?

GUGA ALAYON disse...

perigrossas, anna

disse...

ahaha, sedona-su, de dentro pode até sair borboletas!

GUGA ALAYON disse...

ah!
vale ver o trabalho da sandra com arame e/ou ferro:
http://www.ateliersandramartinelli.blogspot.com/
bj

disse...

é, além da complexidade tem as sombras!! esta é uma bela e ampla constatação!

drake, você viu todo o processo, aliás grande parte dele foi feito sob a vibração e efeito de nossas conversas...

disse...

sabe, beá, fiz algumas fotos ontem, sem grandes cuidados, e também me surpreendi com as possibilidades que se abriram.

esta peça quase tênue de araminho de aço carbono hiper maleável é quase transparente no ambiente, mas se multiplica e tece novas tramas sob o efeito da luz...

tem um monte delas aqui, beá, vem logo para sampa, vem fotografar!

disse...

anna, são tão complexas que nem consigo ainda nomeá-las, mas a periculosidade, com certeza, faz parte!

disse...

guga, entrei no blog da sandra, ahahah eu a conheci outro dia, é praticamente minha vizinha! ela tem um atelier super legal, ela estava trabalhando na calçada, parei, entrei e me deliciei com a leveza e graça do trabalho dela!
vale super a visita ao blog e ao atelier! além dela ser uma simpatia!

GUGA ALAYON disse...

ahahah, a conheço desde criança.
bj

jayme disse...

Guga, é a mesma do banco Santander ou é homônima?