domingo, 2 de novembro de 2008

o fio



o fio dos druidas se partiu todo, em muitos pedaços. não entendi como foi que isso pode acontecer. amarrei os pedaços em forma da fardo e fiquei com a questão na cabeça: quem ou o que fez uma coisa destas?? fiquei observando, todas as pontinhas estavam pretas como se tivessem sido queimadas, mas era um trabalho tão minuciosamente executado, era estranho. o pequeno mistério se perdeu entre outras tantos. resurgiu outro dia. de repente, comecei a ver uma fumacinha branca e aguda saindo da minha mesa, aqui do meu lado a fumacinha saindo impetinente. foi aí que eu entendi tudo. o sol mudou, como muda sempre, de posição e o novo ângulo pegava em cheio na minha esfera de vidro que se enfilera a outras companhias: pedras, cristais, sementes, todos habitantes da minha mesa. o novo alinhamento provocava, em segundos, um ponto tão quente que queimava o tampo de madeira. Tive que mudar tudo de lugar para não incendiar a casa. olhei de novo para o fio partido e para as duas esferas de cristal e para o fundo da caixa de pedra da caixa e para a janela. era o fim do mistério. o próprio sol.



12 comentários:

Anônimo disse...

" Gôta de orvalho
Ao sol da manhã
Precioso diamante! "

O transitório,o eterno e a fagulha resultada do encontro,nêste HaiKai,nos dá a dimensão do momento.

Günther

disse...

exatamente isso, gunther!
o momento

esta imagem do hai kai é maravilhosa!
remete a um encontro bem mais suave, talvez dada a delicadeza do orvalho

drake disse...

uau ! o sol da tarde, que através de um poderoso feixo afunilado pela bola de cristal queima o fio dos druidas em pedaços é de uma precisão e força impressionantes, isso deve simbolizar alguma coisa, Silvia

disse...

também acho, drake, isto deve ter um significado... e, muito importante: este feito não foi do sol poente, veio do norte, sol quase a pino da primavera!

googala disse...

demais!
tem seguro contra caixinhas incendiárias?
bjs

Anônimo disse...

Pois é Googala.Precisamos ter cuidado ao recebermos,por exemplo,uma caixinha vinda do Peru,contendo arte Incaica,de presente.Pode ser do Sendero Luminoso que voltou à ativa.
Ou das Farc com arte Pré-Colombiana,ou ainda do Hamas,que é um movimento de "resistência" Islâmico.
Günther

disse...

seguro, guga? não ouso tanto!
nem vou tentar explicar para a mulherzinha do callcenter do seguro, se um dia eu for pensar em fazer um!

aliás, pensando melhor, eu adoraria explicar para o atendente sobre a espécie de seguro que eu preciso! ahhaha

disse...

nossa, gunther, você recebe muitos pacotes suspeitos??

Anônimo disse...

Não Bê,não recebo.Mas a arte sutil pode ser revolucionária,como a sua.
Günther

Anônimo disse...

incrível, silvie. coisa tão natural só poderia acontecer perto de vc!

isso porque acho que a natureza se revela prá quem está sempre de olho nela.

anna

disse...

revolucionária, gunther? gostei!

disse...

ô anna querida!
está tudo aí, disponível para todo mundo!