terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

recolhidos 1


ave de stanley

Da viagem, sim, claro, trouxe um monte de... de... de "manifestações locais", isso, talvez seja este um bom termo. Objetos naturais que trazem a cor, a forma e o tempo daquela terra.

De Stanley, Malvinas, trouxe várias raízes retorcidas, maravilhosas, dramáticas. Só poderiam ter sido geradas lá, sob fortes ventos, sal e frio intenso.

Esta foto é de uma dessas raízes que de tanto olhar os pássaros se assemelhou.

6 comentários:

GUGA ALAYON disse...

servia como logotipo da cidade(?), porto(?) de Stanley

disse...

sim, guga, Stanley, Porto de Stanley, única cidade das Ilhas Falkland/Malvinas (como preferir)

o logo deles é um carneiro mesmo, um carneiro com graminha verde sobre uma caravela, acrescido da frase: "desire the right"!!!
não tem nada de local...

esta produção é minha mesmo, a raiz trazida sobre uma tela de filtro de ar condicionado!

M.J. disse...

Bê, parece de metal, não a tela, a raíz.
Agora quero ver a VENUS.
Ficou linda a flor na lateral. Tão tranquila a observar o vulcão verde, o céu...tá linda.

disse...

mj, parece metal mesmo, o brilho!

vou postar a venus que você viu! (que para mim era uma coruja)

ficou um belo recorte o da lótus, foram os seus olhos apurados...

drake disse...

parece até que dá para ouvir as histórias dessa raiz, talvez aqui nos trópicos ela até relaxe um pouco

o carneiro sobre a graminha na caravela e o texto acho que tem muito a ver com as falkland, um punhado de ingleses que cuidam estrategicamente dum arquipélago no fim do mundo e se conecta com o mesmo por barco

GUGA ALAYON disse...

Esta nova parece o Galtieri dançando um tango com a rainha-mãe. ahahaha