domingo, 30 de setembro de 2007

percursos


o arame em caramujo fiz faz tempo, agora mora na caixa de mosaico que ganhei da helô e da eliana. a caixa veio repleta de sementes do sitio delas e penas do louro que já se mudaram. agora habitam o caramujo vizinho ao fio da fossa dos druidas. este fio ganhei de um amigo depois de entregar algumas pedras que colhi na catedral de chartres, como o fio e as pedras vinham do mesmo lugar, pareceu natural trocarem de mãos. agora vejo o outro cômodo vazio, acho que trarei a concha de itamabuca para esta vizinhança.

5 comentários:

franka disse...

arame, fio, pedras, madeiras e... ?

disse...

concha, óbvio

GUGA ALAYON disse...

espetacular

disse...

espetacular? nossa, obrigada Guga!

marcio disse...

esse mosaico português realmente ficou bonito...